Pólvora, cluster e festivais

20130705-161707.jpg

Sempre quando chega ao dia 5 do mês de Julho, Cabo-Verde deixa o seu povo orgulhoso, mais um aniversário de independência, o Amilcar Cabral é lembrado, e para muitos ele lutou sozinho contra o exército colonial, afinal quase nunca se fala dos outros combatentes. Nesse caso, viva o SUPER AMILCAR!

Um argumento muito usado por pessoas costuma ser, 30 e poucos anos de independência e já conseguimos muito, será? Esquecem-se que o país possui mais de 500 anos, que as estradas passaram a ser asfaltadas há bem pouco tempo, que o saneamento básico continua uma merda, literalmente, e que quando os politicos fazem alguma coisa de jeito, não fizeram mais do que a sua obrigação, por isso não entendo o JMN a encher a boca para falar do que ele fez no governo quando nem problemas básicos como água e eletricidade ele não conseguiu resolver nesses 3 mandatos, e a oposição que fique calada nesse assunto porque foram eles que privatizaram aquela porcaria que hoje em dia é mantida com o dinheiro da previdência social.

Pão e circo não podia faltar aqui nesse país, depois de nos tentarem vender o sonho impossível de união europeia, agora o truque passa por tentar se aliar ao futebol, o mesmo futebol que o primeiro ministro afirmou só haver incompetentes a dirigir a falange para logo a seguir mudar de ideias quando viu a brecha para manter o povo inerte e sereno… Quando a seleção não joga temos festivais, montes deles, afinal o nosso coração fala, merecemos mais e o sol é uma estrela, tudo bem articulado para manter os jovens desempregados embriagados de alegria, estupefacientes e líquido etílico!

Eu também faria o mesmo, se ao fim de 15 anos no poder a unica coisa que tivesse para apresentar como o legado do meu governo fosse o maravilhoso CLUSTER DO MAR, ah as brincadeiras desses políticos, não falo do millenium challenge account porque todos os que possuem o mínimo de inteligência sabem do que se trata, um dia expulsam-nos daqui por não podermos pagar as dívidas.

Por mais que possa doer devemos admitir que infelizmente a revolução que culminou na independência da minha pátria amada Cabo Verde em 5/7/75 se tornou numa espécie de “Triunfo dos Porcos” do grande Orwell, custa até crer que o partido no poder foi o mesmo que lutou pela independência!


Tempestades Cognitivas II

Image

Geralmente a cada dia que passa os acontecimentos mundiais tornam-se mais interessantes e de certa forma um pouco caricatos, o dia 13 de Março de 2013 foi um dos dias que o planeta acordou ao avesso ou talvez tenha só dormido mal, insónia quântica? Como forma de mitigar os accionistas da multinacional catolicista… espera, acho que os accionistas no céu estavam muito calmos – digo os fiéis que andavam já à beira de uma apoplexia com a escolha do novo papa, saiu finalmente o nome do jovem de 76 anos, curiosamente no dia em que anunciaram que o corpo sem vida do Comandante Hugo Chávez não poderá ser embalsamado, cientistas russos são uns… como poderei dizer isso sem ofender? Sim uns palermas de primeira ordem, incompetentes naquilo que fazem, para dizer o MÍNIMO!

O Vaticano já anda nisso há 266 papas e curiosamente eles conseguem até fazer com que os papas pareçam estar vivos, mas todos sabemos que é só aparente porque sempre que explode um escândalo naquele lugar eles nunca sabem de nada, sinto pena pelo Chávez e pena pelo Maduro que ao que parecer ficou muito afectado pela morte do presidente ao ponto de já não achar 2 anos de luta contra um cancro uma causa obituária plausível, ainda hoje insistindo na ideia de envenenamento, o que não pode ser descartado, sabe-se lá o que os médicos andaram a meter no organismo do homem com aqueles cocktails que fazem mais estragos do que os discursos de um Presidente Norte-Americano, hoje talvez não tenha morrido ninguém depois de ele ter falado com a imprensa, dando os parabéns ao zombie Jorge Mario Bergoglio aka Francisco I, thug life sempre, em nome do pai, filho… captaram a ideia, fazendo a nomeação do semimorto algo grandioso para América  em geral, deixando-me a pensar que os EUA estão tão fodidos no conceito mundial que agora estão a festejar feitos alcançados pela Argentina o mesmo país que ajudaram a foder com as suas teorias económicas criadas pelo Sr Dr Engenheiro Robert Lucas!

Por falar em Argentina aproveito para anunciar que o Maradona pegou a doença do Pelé e agora já atira asneiras pela boca com muito mais frequência e rapidez hoje em dia, o que me deixa preocupado afinal o gajo já não pode colocar a culpa nas drogas, hoje ele resolveu arrotar e eu culpo unicamente à imprensa parva que inadvertidamente deu ouvidos ao “El Pibe” através do seu advogado e para nossa tristeza cito «O Deus do futebol é argentino, e agora o Papa também é», é caso para terminar por aqui porque acho que tudo isso afectou o meu humor e já estou um pouco depressivo, se não acreditarem em tudo o que leram até aqui o problema é vosso, é só verem amanhã no Bom dia Portugal ou no Jornal da Tarde, afinal o Sr que não foi à escola mas possui um diploma, garantiu que irão apostar na continuidade a RTP África.

PS: Quem assiste The Walking Dead, sabe exactamente que fim levou o Papa Bento XVI =P


Hecatombe Lírica

“A música exprime a mais alta filosofia numa linguagem que a razão não compreende.”– Arthur Schopenhauer

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Eu poderia chegar aqui e reinventar palavras para descrever o “Batchart” como rapper e o “Wikileaks 1ª Temporada” como um trabalho musical, mas não tou disposto a isso ou talvez seja mesmo falta de criatividade mesmo, então direi simplesmente, versátil, sim tanto o rapper como o album, sim eu poderia dizer fantástico, genialidade, e essas coisas que quem escutou o album sabe, mas quero manter a versatilidade como o adjectivo principal, porquê?

A quantidade de temas abordados nas 14 tracks contém mais informação útil do que a maioria dos nossos jornais e outros meios de comunicação nesse país, novidades? Nem por isso, a não ser que vivas num outro país, aliás num outro planeta e chegues em Cabo-Verde por acidente, caso contrário já devias saber do que o Batchart fala, se as informações não são “originais” então o porquê de ter adorado o album? Pela forma como ele as entrega ao teu ouvido, pela forma como ele as escreve, pela forma que ele flutua por cima dos beats, dropa dentro do tempo até parece uma Swatch do rap, os temas são escritos de uma forma a causar um impacto nos teus neurónios, com o objectivo às vezes de chocar, nem sempre através da agressividade das palavras ou na furiosidade do flow, mas sim pelo sentido metafórico que o rapper imprime nas letras, às vezes também pela emoção, mostrando que o objectivo não era simplesmente escrever e cuspir e sim escrever o que vinha na alma e apresentar-nos a sua visão e outros sistemas sensoriais com que ele interage e experimenta o meio que o rodeia, o rap de Cabo-verde estava a precisar realmente do Wikileaks, afinal os rappers em Cabo-Verde já tavam a soar a mesma coisa, o mesmo assunto, falado da mesma forma, ou seja, a maldita “regra”, os reais devem soar iguais, tirando toda a liberdade dos “reais” afinal existe um padrão a seguir, infelizmente é verdade e talentos foram “chacinados” por causa disso, FELIZMENTE o Batchart ressurgiu das cinzas igual a uma fénix e mostrou-nos “hey, tou a fazer a música que quero e nem por isso deixei de ser verdadeiro comigo e com o rap”.

Well done bruv!


Post-scriptum!!!

Há bué que não posto nada no blog, nada de jeito anda a sair com a minha nova vida, trabalhar e fazer faculdade, quer dizer ideias não me faltam, o problema é tempo pra escrever, mas dessa vez trouxe um texto onde juntei o útil ao agradável, afinal é um texto que foi produzido para a disciplina de Competências Pessoais quando o professor tava a falar das funções de linguagem e calhou-me produzir um texto usando a função emotiva, escusado será dizer que usei e abusei dessa função, os olhares e o silêncio ensurdecedor na turma confirmaram isso mesmo hahahahahaha, enjoy it!


Escuridão, treva, desilusão, o meu estado de espírito é o mais soturno e pernicioso dentre os seres humanos, pesadelos enigmáticos, desequilibrados e torpes, me assombram a cada fechar dos olhos à noite, durmo com uma arma ao lado e uma das balas está reservada para mim, falsidade, morbilidade… as noites são todas iguais, doses extremas de antipsicóticos, já não consigo distinguir o imaginário do real, pessoas não me entendem ou pelo menos não se esforçam para isso, solidão é o meu amigo mais próximo e íntimo, quarto cozinha, cozinha quarto… pratos, colheres, facas, garfos e copos, catalogando a casa para ver se o tempo passa, faz frio lá fora, a selva de pedra que é impiedosa, num sistema canibal onde um humano não sente vergonha e muito menos pudor em dilacerar o próximo, o nível da intolerância com as diferenças e com a minoria é mais extrema do que a quantidade de CLOZAPINA e QUETIAPINA que geralmente circula na minha corrente sanguínea! Acendo mais um cigarro, o sétimo em 15 minutos, o suicídio lento se processa, enquanto não ganho coragem para o fazer de maneira rápida, o relógio marca exactamente meia-noite e dezassete minutos, tentando matar o tempo para que ele não me mate… Minha psicose aumenta, escuto vozes, mesmo a tentar não ouvi-los, sei que não passam de fruto da minha imaginação, uma réstia de esperança emerge do fundo do poço, a vontade de viver é mais forte, procuro motivos para que assim seja, sem amigos, sem família, sozinho nesse planeta que 7 bilhões chamam de lar, convenço-me, apenas mais um número para engrossar a estatística é o que serei, decisão tomada e a possibilidade de voltar atrás é nula, mas isso já sabes, afinal se estás a ler essa carta é porque o meu corpo sem vida se encontra por perto, a bala que reservei para mim, sempre cumpriu o seu propósito.

PS: Desculpem-me pelo sangue!


Social Vibe

    

 

Uau 2 posts do preguiçoso do Nuno num único dia? Desta vez é importante por isso resolvi sacudir a preguiça de lado, Social Vibe, foi navegando pela minha “Dashboard” do WordPress à procura de um widget fixe que eu encontrei esse widget que até pode não ser o que eu tava a procura no momento mas que mesmo assim chamou-me atenção e queria compartilhar convosco, já agora, aos meus leitores que não são muitos, espero que me ajudem a ajudar aos outros, não custa nada e ajuda muito, quem tiver esse widget nos seus blogs é só dar um grito que terei prazer em ajudar também, afinal é só uns clicks e pronto, mas para não estar aqui a reinventar a roda, já existe um post no WordPress sobre isso, então fiquem à vontade:

http://pt.blog.wordpress.com/2009/06/16/socialvibe/

    Beijos e abraços e não se esqueçam de sempre que visitarem esse projecto de blog de aproveitar para ajudar o próximo =)

    WHAT’S YOUR CAUSE?


Pelo meu país, eu voto? Não, Obrigado!

    

 

“Pelo meu país, eu voto!” esse tem sido o “Slogan” apresentado aos Cabo-Verdianos pela CNE (Comissão Nacional de Eleições) o que à primeira vista é até lindo, bonito, tudo de bom e bastante patriótico, mas para quem está atento às coisas que andam a acontecer no país sabe que esse slogan deveria ser ignorado e o desgraçado que o criou deveria perder a sua licença de publicitário, afinal PATRIOTISMO = “IDIOTISMO”, não estou a afirmar que pessoas não deveriam defender a sua pátria ou algo parecido, já que existem fronteiras e bandeiras não iremos deixar qualquer um avacalhar com a nossa casa, é mais ou menos o que acontece quando algum ladrão tenta roubar-nos à noite enquanto dormimos, ele paga caro por esse acto de desrespeito, continuando na analogia das casas, poucas vezes vemos pessoas nas ruas a dizer para uma outra:

    -“A minha casa é melhor que a tua, tem mais comida, mais conforto e a tua casa é uma merda, a minha é a melhor de todo o planeta!”

    Eu não sei se concordam comigo, mas pessoas que se comportam assim são simplesmente idiotas, não há outra explicação, o patriotismo é exactamente isso, achar que o teu país é melhor que todos os outros existentes nesse planeta, sentir tanto orgulho a ponto de cometer loucuras por causa de uma bandeira, por isso acho que o patriotismo leva a idiotices sem sentido, sem contar com uma maior divisão dos humanos que habitam esse planeta azul, que tanto sofre com as nossas idiotices.

    Agora vejamos, querem que nós simplesmente apareçamos no dia 7 para escolher um candidato que no fim do dia será o nosso presidente, isso numa eleição sem segunda volta, se houver uma segunda teríamos de ir lá outra vez fazer a mesma coisa, colocar um X no candidato que achamos menos pior (na política nunca escolhemos o melhor e sim o menos pior). Ok digamos que argumentos infantis tais como “quem abstém-se é inimigo da democracia”, “quem abstém-se não pode reclamar de nada, só quem foi às urnas” e etc, já conhecem essas falácias e balelas que os pseudo-intelectuais usam e que o povo toma como verdades absolutas, digamos que todos se convençam de que precisam votar, abstenção zero, perfeito e agora? Só nos resta analisar os candidatos para sabermos como o nosso país vai ficar, e nem precisamos ser analistas políticos para saber que isso não irá acabar bem, o partido no poder está dividido entre duas candidaturas o que levou a brigas internas, mas se observássemos esse mesmo partido nas eleições legislativas, notava-se um grupo coeso que lutava pelos mesmos ideais só que agora é um caos total, acusações graves surgiram (até mesmo de homicídio) insultos que deixam até o indivíduo mais boca suja desse país com vergonha e isso tudo entre pessoas que são amigas e que na casa parlamentar ainda defendem as mesmas cores e os mesmo interesses, do outro lado (a oposição) a mesma cena os insultos são de praxe, cada vez mais incisivos, mas de pouca eficiência, sabem que não há muito a fazer a não ser esperar que os gigantes se matem para poderem assumir o trono, jogada inteligente diga-se de passagem, mas qual o motivo de tudo isso? Sede e fome de poder, ainda querem que eu me orgulhe do país que tenho, que eu o defenda às cegas? Náááá obrigado, dispenso essa chance única e imperdível. =)

    Outra coisa que andou a fazer-me confusão é que as propostas andam assim fraquinhas, sem nenhum entusiasmo por parte dos candidatos, o oposto se nota quando os apoiantes discursam, o entusiasmo sobra, a única coisa que me vem à mente é, “bolas, ele deveria ser o candidato, assim eu já votava, ele mente com aquele brilho nos olhos que me deixa com vontade de acreditar”. Uma coisa é certa podem ser presidentes juntos das pessoas, da cidadania ou até mesmo os que se acham o próprio país (quem leu os slogans nos outdoors sabe do que estou a falar) eu não creio que tenham algo a acrescentar, mas que todos eles são candidatos fracos, sem personalidade própria e marionetas do poder e dinheiro, logo no dia 7 de Agosto de 2011 irei fingir que o país não é meu, nem dos meus familiares, aceito qualquer porcaria que vocês colocarem no poder, são todos a mesma porcaria, só mudam as cores e os nomes!!!!

 

    Greetz: Larissa(DNB), Luan, Debby, Cognitivo, Danillo e a todos que passam por aqui para ler as porcarias que escrevo…


TEMPESTADES COGNITIVAS I

Cá estou eu de volta mais afiado que uma lamina, mais nocivo que o tabaco e mais pernicioso do que uma exposição a materiais radioactivos, bom na verdade estou de volta mas não é para tanto. =) Sem mais demoras os últimos dias têm-me deixado num estado de espírito, digamos assim sobressaltado e não é para menos, afinal o meu país possuí uma governação “virtuosa” e TRANSPARENTE, mas a CNE está a fazer auditoria às despesas dos partidos nas ultimas campanhas eleitorais e a capital continua sem ver água enquanto o partido no governo anda mais dividido que a faixa de Gaza e os conflitos internos mostram que compará-los à faixa de Gaza não é exagero nenhum, isso tudo por causa das presidênciais que se aproximam, o governo do Brasil vai custear uma cidade administrativa para o nosso país quando esse mesmo dinheiro faz falta ao governo Brasileiro, isso sem contar com o parque eólico que se por um lado quando começar a funcionar será 25% da taxa de energias renováveis na rede eléctrica nacional, o que é de se louvar do outro lado da moeda a pergunta que fica é: “Mas onde é que irão buscar o vento para isso funcionar?” Hahahaha Brincadeiras à parte acho que essa foi uma das poucas noticiais que me fez ter esperanças que nem tudo está perdido nesse país, para mim foi ver o governo a investir em energias renováveis, mas para a maioria dos beneficiados do INPS (Instituto Nacional de Previdência Social) acho que a esperança veio através da noticias de que a partir desse mês de Junho os pagamentos das pensões serão feitas electronicamente, que antes eram feitas nas Estações dos Correios, só quem já passou na frente dos correios num dia de pagamento para tentar adivinhar o que sofrem esses pobres coitados que já foram jovens um dia e fizeram mais do que a grande maioria dos nossos políticos já fizeram por esse país, caixas ATM estão por todos os lados é só ir num e sacar o desvalorizado escudo Cabo-Verdiano, vamos torcer para que possam lembrar as senhas ou que saibam usar as caixas electrónicas porque senão os correios deixam de ter filas nos dias de pagamentos mas as caixas electrónicas uiiiiiii, nós os jovens nem nos importamos com os correios, enviamos emails, mas vamos muitas vezes aos ATMs e isso pode começar a ser uma aventura, uma odisseia, uma epopeia digna de ser contada no regresso ao lar. =D

PS: Os velhinhos sabem que lhes amo!!!

Props pró grande Cenasquecurto que tem um blog mesmo bruto, props pra minha colega doidona Deby (é nóix que voa hehehe), props pro Cognitivo que andou a mandar bocas dos meus props em comentários aqui no blog, que também possui um blog que deve ser visitado por amantes de tecnologia, props e um grande kiss prá minha Shortie, Namorada, Amiga e Companheira Larissa Castilhano, dodu na bô!


Não há Descriminação! Será?

Primeiramente gostaria de me desculpar pelo tempo ausente, sei que ninguém lia O Sabotador e que ninguém dá a mínima pró meu “novo” blog, mas pedir desculpas é uma forma de vos mostrar que também sei respeitar os bons costumes apesar da grande maioria achar que não. =P

Eu queria algo especial, intrigante, pró meu primeiro post mesmo a doer nesse blog, mas adivinhem? Isso mesmo, a minha incrível mente não conseguiu descortinar nada de jeito, o que é estranho, geralmente quando se trata de expor ideias estapafúrdias a minha mente costuma ser incrivelmente eficaz, esse facto me levou a fazer perguntas de suma importância, com o único propósito de tentar ao menos entender o que se passa comigo, antes de quem alguém sugira a ideia parva de consultar um psicólogo, as perguntas foram as seguintes:

– Os peixes costumam sentir sede?

    Mas a pergunta que martelou-me o juízo com bastante força foi:

    – Cabo-Verde não é um país onde não existe descriminação?

    Eu vi uma reportagem um dia desses no Telejornal da nossa querida TCV, além de uma reportagem completamente idiota sem pé nem cabeça, perguntas do tipo “tu te consideras uma pessoa racista?” Oh sim claro, a pessoa iria responder na lata mesmo “yap, inclusive sou fã de grandes nomes como Hitler e Radovan Karadzic, limpeza étnica neles!”, sinceramente às vezes acho que os jornalistas nos tomam por parvalhões, reportagem totalmente parcial, na verdade só teve um gajo que se não me engano é de nacionalidade Senegalesa que apareceu na reportagem para dizer umas boas verdades, mas como já era de se esperar não durou mais do que uns 5 segundos, na sequência, veio uma entrevista com uma tal Sra ou Senhorita (não direi o nome porque não importa), as coisas que ela disse me deram vontade de rir, ao que tudo indica Cabo-Verde é um país livre de descriminação, só possui uns casos isolados, esqueceu-se de dizer que esses casos isolados acontecem todos os dias, a toda e em todos os lugares, mas “deixa no gelo” que existe algo que me chamou mais atenção, foi a justificação dado para terem a coragem de afirmar tamanha ASNEIRA e a justificação foi:

    “Somos um país de mestiços, viemos de uma mistura então NÃO SOMOS RACISTAS”

    Um dos países mais racistas do mundo o Brasil usa da mesma táctica para “fintar” a opinião publica e tem a ajuda dos “mass media” algo que o nosso governo hoje em dia também tem aprendido a usar de uma forma mais eficaz, afinal por sermos um país mestiço realmente deveríamos ser um povo totalmente harmónico, sem essa palhaçada que é a descriminação, mas ao que parece isso funciona melhor como uma forma de mascarar uma forma de racismo bastante eficaz, que é conseguir passar a imagem de harmonia para o exterior enquanto dentro de país minorias étnicas sofrem todos os dias com péssimas condições trabalhistas entre outras cenas, ah não sabias? Então ficas a saber agora, afinal é só pararmos para observar o que se passa à nossa volta, os cargos mais altos, directorias, presidências e etc são na maioria dos casos ocupados por uma pessoas de nacionalidade portuguesa ou por um cabo-verdiano de pela mais clarinha, acho que a cor de pele mais clara combina melhor com trajes executivos, quando precisa-se capacitar uma equipa para executar uma determinada tarefa, por mais que existam pessoas capacitadas aqui para fornecer a tal formação, SEMPRE pagam estrangeiros balúrdios só para virem passar cá uns dias ensinando aquilo que um Cabo-Verdiano poderia muito bem ensinar, nota para o facto de que se for um Cabo-Verdiano de certeza o pagariam no máximo 1/3 do que pagariam ao estrangeiro, temos esse mal de nacionalizar o global, somos um país de mestiços, mas valorizamos mais o que vêm pr’aqui com a pele mais clara, isso também se nota na religião, mas não vou entrar nesse detalhe para não ofender a fé alheia.

Então vamos parar com essa ignorância de achar que tudo é lindo e maravilhoso, NÃO, NÃO É, aos caros jornalistas da TCV espero que da próxima eles possam fazer uma melhor reportagem, mostrando as coisas como elas realmente são e não como nós queremos que elas sejam, eu até achei engraçado quando perguntaram a um chinês se ele sofria descriminação aqui, quando seria mais fácil o contrário acontecer hahahaha mas pronto é assim mesmo, nada contra chineses, portugueses, nem qualquer outra nacionalidade, os exemplos citados foram porque os vejo, não estava a generalizar, afinal seria descriminação da minha parte também!

Fiquem bem, até ao próximo post de O Sabotador aka Insano Racional, fica aquele Big Up de sempre para os bloggers Danillo Brito, Debby a mulher do Lu hahahaha e Raul, já agora um big kiss para a Larissa =D!

 

 


De Volta ao Game

Pessoal bem-vindos ao meu novo blog, como a maioria por essas alturas deve saber eu era o dono do blog “O Sabotador”, mas cansei-me de algumas coisas que haviam no antigo provedor que eu usava, então decidi excluir o blog, era suposto o blog actual se chamar “O Sabotador 2.0” ou algo do género, mas achei por bem tentar algo novo, continuarei a fazer posts políticos não se preocupem, mas queria algo mais pessoal, tipo o blog dos meus homies Danillo “Reflexo Marginal” e Debby “Meu Mundo”. Só espero não sentir o mesmo nível de preguiça que atrapalhava os posts no “O Sabotador”, “vamos” tentar manter os posts em dia, PROMETO.

Fiquem bem, abraços do Nuno “The Saboteur ” Sancha.

Meu Mundo


Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.